Sabia que a cera de seus ouvidos podem dizer se você é saudável ou se está doente? Confira


Sabia que a cera de seus ouvidos podem dizer se você é saudável ou se está doente? Confira

A cera dos ouvidos é um assunto sobre o qual pouco se fala, tal qual a maioria dos fluidos corporais.

Porém, a textura e a cor do material que se cria dentro de nossos ouvidos pode dizer muitas coisas sobre o nosso estado de saúde e como o resto do corpo está funcionando.

Você pode ficar achando meio nojento o que vamos sugerir, mas quando for limpar o seu ouvido na próxima vez, aproveite para dar uma olhada no que saiu lá de dentro.

Para tal, use um cotonete, mas, como avisa a marca mais comprada de cotonetes, o produto só deve ser usado “em volta do ouvido externo, sem penetrar no canal auditivo”.

Abaixo, trazemos as várias cores que pode ter a cera do ouvido e o que isso significa para a sua saúde. Fonte bastanteinteressante.

1) Pouco espessa e com cor amarelo pálido

É o tipo de cera mais comum nas crianças, sendo normal e saudável que elas produzam mais cera do que os adultos. À medida que vão crescendo, vão produzindo menos.

2) Molhada, pegajosa e amarela

Este é o tipo mais frequente de cera em adultos. O seu aspecto molhado e pegajoso evita que o canal do ouvido resseque, dando comichão.

3) Escura e pegajosa

As pessoas que transpiram mais que o considerado normal tem a cera mais escura. Quando mais escura a cera, maior a transpiração e odor corporal nessa pessoa. Mesmo assim, é uma cera totalmente saudável.

4) Branca, seca e escamosa

Quem tem esse tipo de cera tem menos odor corporal ao contrário de quem tem a cera mais escura. É uma cera totalmente normal e saudável.

5) Grossa e escura

Conforme referimos mais acima, a pessoa que sua bastante tende a ter uma cera mais escura. Pessoas ansiosas e estressadas normalmente produzem mais cera, o que, em excesso, pode entupir o canal auditivo e consequentemente causar surdez temporária.

Limpe regularmente a sua cera, se ela for demasiado escura e espessa, para evitar ter problemas no futuro, e comece a pensar em relaxar mais e reduzir o estresse da sua vida.

6) Castanha/marrom escura ou preta

Provavelmente, quem tem cera dessa cor pode ficar assustado, mas não há motivo para tal. Quando a pessoa fica muito estressada, ela pode produzir cera em excesso atingindo esse tonalidade escura. Também pode ser que você não limpe o ouvido há demasiado tempo.

7) Cera sangrenta

Às vezes, resíduos de sangue seco podem aparecer naquela cera mais antiga. Procure um médico se isso acontecer, pois pode ser tímpano perfurado.

8) Cera molhada e que escorre

No seu processo natural de limpeza, pode ocorrer da cera escorrer ocasionalmente, mas se escorrer em grandes quantidades e conter vestígios de pus ou sangue, procure um médico o mais rápido possível pois é um sinal evidente de tímpano perfurado.

9) Cinza

A cera acinzentada, úmida e pegajosa pode ser resultado do acúmulo de poeira. Porém, se tiver comichão no canal auditivo com a pele seca e a cera quebradiça, é bem provável que você tenha um eczema, devendo procurar um médico o mais rápido possível.

Como você deve ter percebido, a cera do ouvido pode assumir diversas tonalidades, sendo que a maioria deles é normal e saudável.

Agora que você leu esse artigo, não se esqueça de conferir a cor de sua cera da próxima vez que for limpar o ouvido. Se suspeitar de alguma coisa, marque uma consulta com um otorrino.



Deixe seu comentário!